quinta-feira, outubro 26, 2006

Há outros mundos

Há outros mundos vai se uma coluna que a minha turma vai ter no Jornal da minha cidade. Como acho que o título da coluna se adequa ao Sotaques e como ainda não criámos o Blog, deixo-vos aqui a minha primeira crónica.

Há outros mundos que entram nos nossos sonhos. Outros mundos que nos parecem tão longínquos que afinal só estão a pouco tempo de distância. O meu sonho tinha uma cidade. O meu sonho tinha a cidade.
Há imagens que se colam à nossa mente com uma insistência tão grande, que passado algum tempo passamos a senti-las como verdadeiras, como reais, como se tivessem sempre feito parte de nós. Para mim era assim. Berlim é parte de mim.
Viver perto da cidade, tocar, sentir, cheirar, produzia felicidade em mim. Sentia-me bem, sentia-me completa. Apesar de saber que não era lá que pertencia, era mesmo lá que estava bem. Sei que o meu lugar é aqui. Aqui estou em casa. Mas lá era onde sem sentia bem enquanto estava longe de casa.
Tocar nos edifícios que apenas conhecia por fotografia, passear pelas ruas, ver a diversidade que me rodeava, de pessoas, de cheiros, de ambientes. Ver que os alemães são sisudos, mas atenciosos. Sentir preocupação quando vêem alguém que “arranha” a língua e se prestam a ajudá-la. Sentir o seu olhar de orgulho quando nos vêem fazer algo bem feito, nem que seja à décima quinta tentativa. Saber que eles estão ali, apenas a dois passos, para nos ajudar.
Ver como foi a cidade massacrada e destruída e ver os símbolos… Tudo e muito mais chama por mim, para aquele local. Tocar a Gedächtniskirche, fotografar os 800mt que restaram do muro, sentir-me cosmopolita na Postdamerplatz, ir lanchar, à portuguesa, ao Europa Center, ver o KaDeWe e tocar um casaco tão caro como um carro, mais caro que o meu carro actual, ver a Kurfürstendamm decorada para o Natal como se de uma feira se tratasse, aliás, a feira estava lá! Com tudo o que lhe era devido.
Andar na nova cúpula do Reichstag é algo de diferente, é ter sentimentos contraditórios, ou se ama ou se odeia, estar na cúpula de vidro e ver pedra por todo o lado, ler a inscrição “Dem Deutschen Volke” e pensar que foi durante a I Guerra Mundial que o Imperador Wilhelm II a mandou colocar, pensar que toda a Alemanha tremeu quando se soube que o seu Reichstag estava a arder em 1933. Depois continuou em ruínas, sem o seu uso pleno. Até que em 1999 é novamente inaugurado com uma cúpula toda em vidro de onde se pode ver as reuniões do Parlamento e a cidade de Berlim.
Fazer a Unter den Linden faz pensar que se está num mundo à parte. Num mundo que só se vê na televisão.
O novo e o antigo… as obras e as surpresas depois das obras… as pessoas… as lojas… as casas… a arquitectura… a descontracção… os sorrisos… as memórias.
De tudo o que me resta, resta-me um sonho final. Tocar, ver ao vivo as Portas de Bradenburgo, que, por motivos de limpeza e restauro, se encontravam tapadas.

O sonho persiste. A cidade, essa é a mesma.

8 Comentários:

Blogger Mamy falou...

Que bonito texto, Tamia! Sabe... o que me impressiona aí na Europa (lugar que nunca fui, só sei de ouvir falar) é que é tudo tão antigo e com histórias tão sofridas. Não que o Brasil não tenha sua parcela de sofrimento, claro que temos e é bem grande por sinal. Mas, sei lá... é diferente...

26/10/06 6:06 PM  
Blogger Bodas falou...

Pra mim ainda é um mundo intocado!
"Coisa de televisão!"
Mas ainda quero chegar a ver de verdade, ao vivo esses lugares!
Mas isso que a Mamy falou é verdade!
Aqui no brasil nós não temos muitos predios centenários, o que dira bicentenários. :S
ps: O PodCast está funcionando pesssoal, não custa clicar no Play e comentar!

27/10/06 10:11 AM  
Blogger Vinnodha O Preconceituoso falou...

é minha amiga, com a verve da agitação política eu me esgotei mentalmente defendendo a minha causa em prol da abstenção do voto e com isto eu visitei você menos do que gostaria, pois eu adoro o que você escreve, porem eu te prometo que vou ler tudinho desde a última vez em que estive aqui em diante e farei comentários retrocessos. Gostei da idéia do podcast, me ensina como fazer um que inda ontem eu estava pensando nisto. Ah, caso você num saiba, é possível tambem postar videos do YOU TUBE. Adorei esta crônica.eu inclusive tenho um sonho que já deve estar na 18º temporada.

1/11/06 2:00 PM  
Blogger Policarpe Di Emili falou...

Que lindo texto Tamia!
talvez o fato de eu estudar alemão, estar o tempo todo em contato com a cultura alemã, com pessoas que vieram da Alemanha ou que estiveram neste país e sobre ele me contam muitas coisas legais, tenha me ajudado a me entusiasmar bastante com o seu texto!!tenho muita vontade de conhecer Deutschland e sobretudo Berlin, por tudo que aquela cidade significa para a História...ali já aconteceu cada coisa né?
Espero um dia ir tb lá p exercitar melhor meu alemão...ehehe
viele grüße!!

12/11/06 11:57 PM  
Blogger erenity falou...

I've certainly got some way to go before the site about Travel Web meets the standards of your blog.

13/11/06 12:43 AM  
Blogger shantaria falou...

See more information on Map Travel here.

15/11/06 1:21 AM  
Anonymous nancy moises falou...

Boa tarde! Passando pra ver as novidades e te desejar um ótimo final de semana, ofereço a você o award Lua em Poemas seu blog é nota 10.Adorei tudo por aqui. bjs

16/11/06 5:35 PM  
Anonymous Anônimo falou...

Este blog foi mesmo para "outros mundos", não é mesmo? Não poderia ter acabado com um texto melhor.

23/11/06 5:45 PM  

Postar um comentário

<< Home